Postagens populares

terça-feira, 13 de novembro de 2012

ONDE CRIATURAS SIMPLES SEM DEUSES?

Deusa-Não-Deus se junta à brisa e delira.
Gota a gota, a íris escorre nos telhados.
Orvalho no soalho verde move giras.
Deus-E-Deusa manhãs orvalhadas

Nos cabelos das ondas do mar.
Poetas, pégasos e unicórnios salivam

Verdades em ruínas.

A realidade puxa um cigarrinho na esquina.

Onde haverá criaturas simples, desfumadas?
Postar um comentário