Postagens populares

quarta-feira, 27 de março de 2013

ENGENHARIAS

Engenharias
Não exigem arrancos
De emoções
Nos verbais cantos.

Os lápis se perdem
De montar metais
Nas redondas retinas
Racionais.

Espremidas as flo(letras)
Entre parafusos
No tabuleiro das letras
De esquadro concreto.
Postar um comentário