Postagens populares

segunda-feira, 1 de abril de 2013

VOU MAS DEIXO GUARDO ESQUEÇO (reelaborado)

Vou mas deixo-te o espaço
Onde possas traçar a volta de João e Maria
Vou mas deixo-te o risco da Bruxa que engorda dedos
Para que possas marcar as mãos com gorda saudade de mim
Vou mas deixo-te a mania que tenho
De deixar espaços para o pretérito

Vou mas guardo no sótão nosso ovo de mágoas a zíper
Vou olhar os classificados
Uma Super-Mulher que faz tudo se oferece
Inclusive Bife de Panela prepara com
Bolo-Construção

Vou mas guardo-te a zíper
Vou olhar por aí até você voltar
Como não sou de ferro tenho de tirar o atraso
Do relógio vagabundo do Paraguai
Que você me deu no dia do aniversário do casamento

Que eu me esqueci mas quero me lembrar
Por isso quando você voltar me lembre de lembrar
A mania que tenho de pescar inexistencias na memória
Postar um comentário