Postagens populares

sexta-feira, 3 de maio de 2013

JAKE LABRADOR


Você não quer descansar?
- ......
Já salvaste mais de mil. Senta.
-......
Pelo menos, aceita este pão.
- .....

 (Sonho com Jake, concentrado
Em achar os vivos.
Ele, que fora abandonado
Entre os mortos aos dez meses.
Que aprendera nas ruas a ser esperto,
Apesar de ser pego várias vezes.
Gostava de baganas de chuva,
Enroladas no orvalho de folhas.

Ele está concentrado.
Ouviu alguma coisa.
Uma voz ao longe
Em meio a escombros.
Como ele é rápido!
Uma parede vai desabar!
Ufa! Escapou. Por pouco.
Ele está trazendo um braço.

Mas o homem tá vivo!
Graças a Deus que o mandou
Quando todos tinham ido!
Dorme pouco, o sono adia.
Acorda e já vai pra luta.
Quantos salvará? – Muitos.
Quantos deixará? – Muitos.

Salvara no World Trade.
Servira em New Orleans
Após a tempestade Katrina.
E era pra ser um condenado
Ao abandono das marquises.
Era pra ser, mas hoje
Só pensa em salvar e vai!

Podia estar numa casa rica.
Brincando com crianças ricas.
Passeando com moças ricas.
Derrubando ricas na piscina.
Correndo em volta da velha rica.
Batendo no peito do avaro rico.
Mas não quer uma existência rica.

Quando entrou no Grupo Resgate,
Deixou pra trás muita coisa boa.
A liberdade de correr a estrada,
Atrás de esquilos ou gambás,
O rio claro em que nadava,
Os amigos de todo lugar,
Escondidos lugares pra farra.

Ele volta pros escombros,
Sentiu movimentação.
Mais uma criança salva
E mais outra e mais outra.
Não pára pra tomar água,
Nem para lamentação.
O tempo corre e é razão.

Lembra do olhar de Mary Flood.
Lembra das queimadas criancinhas.
Lembra dos velhinhos sem amigos.
Só não gosta de lembrar de um sonho
Onde morde uma bunda envenenada
Cheia de nuvens e constelações
E morre todo espumado....Será de Deus?

Porém, o CA o pegará.
Aquele cujo nome não se fala.
Mamãe chamava de CA.
Ao câncer, isso. Falei. Não podia, poxa.
Se esse CA escutou
Não pegue a mim sem aviso....)
Morrera Jake num dia cão,
Aos doze anos, Ele,
O Labrador predestinado.


(Poema em homenagem ao cão Jake, cão labrador que ajudou no resgate de vítimas do World Trade e do furacão Katrina)
Postar um comentário