Postagens populares

sábado, 13 de julho de 2013

FLUÊNCIA QUE EMUDECE

Israel olhou uma mulher.

Ambrosina olhou um homem.

Aí então começou uma história.

Um olhar assim rende livros.

E lota estrelas.

Pouco se fala sobre esse olhar.

Meu mundo girou por causa dele.

Por isso, a explosão nas retinas

E o calor que trago do útero dela.

Duas almas em mitologia

Sempre explodem razões

Para a fluência dos corpos


Emudecendo até a escuridão.
Postar um comentário