Postagens populares

domingo, 14 de julho de 2013

UMA MÃE COM FILHOS ENTALADOS NA MEMÓRIA

Ícaro, não.
Mas Dédalo sabia.
Porém, como bloquear o desejo do alto?
Também fora jovem.
Experimentara o medo das distâncias.
Tantas vezes voltara com a pele na cera derretida.
O coração acelerava, e ria muito, bem largo.
O prazer de ter enfrentado os dentes da morte.
O riso de ter desnudado as nuvens distraídas.
Por isso, deixou Ícaro ousar no colo do sol.

Dédalo sabia o valor de avançar no risco.
Quando viu o filho cair feito um facho, seguiu-o.
Duas estrelas cadentes atingindo o barro.
Dédalo queria ter morrido.
Qual uma mãe de filhos enganchados na memória.
Postar um comentário