Postagens populares

terça-feira, 9 de julho de 2013

VOCÊ TEM SABE AQUELA COISA

Você tem sabe aquela coisa
Não sei se entende se me escuta
Aquele charme e jeito sonsos
Como filme oblongo e curto
Que nada sendo é tudo e pende
Que sentir basta soando sons
Sensuais de "ends" que represam
O amor em preto, cinza, e branco

Se soubesse mais
Não sei se entende
O que sinto é isso: som sem prelo
Por amar assim meio sem elo
Pois inda não sei e se soubesse
Como aquele filme em foscos sons
Que sentir bastou soando franco
Represando curto grosso e troncho
Sabe aquela coisa se me escuta
Você tem um cheiro que avulta
Abrindo as virilhas das panelas
Para aquela coisa em noite hirsuta
Que você abre, monta e sela
Postar um comentário