Postagens populares

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

VEJA...NÃO SE DESAPONTE

Não se desaponte comigo
Por eu demorar o olhar.
É que há um elo entre algo
E os deuses que se vestiram

De penas de anjos caídos
Em rachas sujas.
Ele sempre sonhou estar
Traçado na parede.

Não se desaponte comigo.
Enquanto olho e penso em asas,
O vinho não deixará de ser vinho.

Digo já: és tão sol escorrendo.
E sempre creia quando falo 
De dentro da ventania
De tua pele. Embora olhe
Pelas bordas das tuas ancas.

Postar um comentário