Postagens populares

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

MÃOS SUSTENTAM SOBRAS




As mãos sustentam as sobras,
Em rubor e ossos ansiosos,
Não sem mares salobros
Nos sonhos buliçosos.

E as naus a que me prendo,
Não sei se é doença ou cura,
Sei que o óleo que desprendem
Não favorece a pintura.
Postar um comentário