Postagens populares

sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

ESTAMPANDO SINAL EM VEIAS

É mais simples que parece
usar essa máquina, acontece
que deve ligar normalmente,
deixar aquecer o reler,
com pano seco passar 
no ser, sujo de ilusão,
que gruda feito uma craca
e só sai com desrazão.

Cuidado para não queimar
com desejo amor vazio.
Isso dá explosivo e imortal
excesso de quentura, viu?
Beijo desregulado,
pressão demais no abraço,
podem sujar não só a placa,
mas seu tempo e o meu espaço.

Tomando as precauções,
estampamar corpo na alma, então,
ou vice-versa,
e transbordar os sons.
Essa máquina ainda vai
dar o que falar. Creia.
Se o coração for a razão
de assinaladas veias.
Postar um comentário