Postagens populares

domingo, 19 de janeiro de 2014

PELE A RETINAR

Isto existe sem olhos?
Olhos percorrem quando abertos.
Delimitam.
Julgam.
Condenam.
Olhos são os mocinhos.
Olhos fechados ainda olham?
Através da mente.
Mas a mente são olhos?
Olho é mente? Olho mente?
Olhos remetem ao fluxo das coisas.
Olhos inserem o eu em outros sujeitos.
Se eu morro, olhos são cerrados,
e o outro obscurece?
Olhos dispensam pestanas.
Olhos dispensam o piscar.
Olhos são dispensáveis.
Olhos são indispensáveis.
O olhar caminha verdades visuais
E mentiras coloridas.
Sofro quedas quando me olham.
Por vezes, me levantam com um olho só.
Amigos e amores outros
Olham contaminados de afeto
E desenxergam. Ou veem
O fundamental com olhar mudo
De conceitos.
O amor é olhar. Olhar?
Ou pele presa em retinas?

Postar um comentário