Postagens populares

sábado, 29 de março de 2014

GRANDE CARA

Prometeu foi um grande cara.
Filho de Japeto, irmão de Epimeteu,
o que se metia em tudo, falador.
Um dia foi de encontro à vida.
Hesíodo e Ésquilo me esperando
para tomar um suco de uvas.
Garantia às viúvas isso. Uvas vi.
Sem ele, eu não me enxergara.
Também roubei a merda dos deuses.
Adubei com ela minha alma,
por isso vomito até agora
estes versos na cara de alguém.
Bebidas fortes amor e ódio.
Não pegaria em teus orvalhos.
Quando ele deu a luz aos homens, 

não hesitou.  Prometeu?
De vez em quando, eu levo uns cigarros pra ele.
O abutre dá um tempo e vai molhar o bico,

tirar a água do joelho.

A madrugada tosse feio.

Prometeu, cumpriu,
Embora a ilusão.
Postar um comentário