Postagens populares

terça-feira, 22 de abril de 2014

TODANJO CÃODENTRO TEM

Um cão é mais útil que um anjo?
Dei contas a um que me impuseram.
Deslizei no canto fácil do verso.
Caí aqui.

Contratei um cão. De longe.
Claro que ele quer minha alma.
Mas não a dou. 
Lhe manjo.

A daria a Goethe que o criou.
Velho mar(m)anjo cãotante,
Todanjo 
Cãodentro tem?

Goethe era Fausto 
Quando Werther?
Não, era um cão sábio
O homem.

Criou canis de verbo infernais.
Um cão é tão útil quanto outro cão?
Um anjo de vez em quando late.
O menino de onze anos
Só queria amor.
Postar um comentário