Postagens populares

quinta-feira, 19 de junho de 2014

CABE A TI

Me puseram na bicicleta.
Havia uma ladeira íngreme.
Quando me empurraram, voei.
Senti o vento solidário sobre o rosto.
Senti o bem que me queriam.
Quatro costelas quebradas,
Doendo menos que a dor do amor
Que com suas tempestades
Deixa cidades de ego derrubadas.

Segunda vez, prestenção:

Me puseram na bicicleta.
A ladeira mais inclinada.
Havia restos pela estrada.
Carnes de Guerra, podres,
Línguas estendidas, castas
Cinzas esculpindagonias.
Tive de abrir a mata escura,
Envelope nalma de meu pai.

Terceira vez: cabe a ti, leitor,

Recolocar-me, por favor.
Postar um comentário