Postagens populares

quinta-feira, 12 de junho de 2014

CONTAMINADO

Este corpo que eu afirmo
e que me nega,
deitado numa calçada 
com jardim á vista,
é a única coisa que me faz
lembrar de ti,
e eu sei que você sabe
que quando estou saudável
sou tão forte que
carrego estrelas,
esfarelo montanhas,
amasso aviões como latinhas,
e você decerto lembra
de quando eu dominei teu pai e irmãos
com o amor que eu sentia por você;
em verdade os contagiei
com esse vírus afetivo
que quase os levou à bancarrota,
fazendo-os doar tudo que tinham
a todas as mulheres que os fascinavam.
Pois neste corpo carrego a alma em oração,
contaminada pelo maior amor do mundo. 
Postar um comentário