Postagens populares

quinta-feira, 31 de julho de 2014

PERIGO PARA REALIDADES

Toda uma realidade foi morta 
Por excesso de verdade na fúria do mar.
Também houve a direção dos ventos e seu desvio.
Há o fedor do lixo atômico remexido pela tempestade.

Perigo para mais realidades.
Há uma pilha de cadáveres no cérebro do oceano.
Na tela da televisão há imagens em ansiedade

E o mito tem lágrimas de sem-olhos.
Postar um comentário