Postagens populares

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

CRAVOS COTIDIANOS

Me aprofundo
suspenso nas águas
da ânsia suave e muda-
mente superficial
do teu batom borrado
e de tuas piruetas
crucificadas no cotidiano

Mas quem zombará
de teu veneno minguante
sem medo cheio?
Postar um comentário