Postagens populares

quinta-feira, 16 de maio de 2013

CONSTRUÇÃO DE SEMÂNTICAS

Agora, neste instante,
Como apagar os traços?
Viciado em um verbo que inda engatinha.
Vai o verbo excedendo o espaço.

A poesia?
Nos fatos, os dentes, deformo-a.
No claro, os escuros
No sangue finjo.

Hei de estancar-me sempre,
Após chacoalharem meus mares.
Busco explorar semânticas
Para construir para alguém.
Postar um comentário