Postagens populares

domingo, 24 de novembro de 2013

FILME DENTRO-DE-MIM

No filme DENTRO-DE-MIM
Minha Morte Subjetiva


Começa com o desespero e créditos finais

De cada frustração súbita
Apenas a face cortada de tua lua
Mulher abstrata, serve-me a carne
Para a alma em transe com palavras

Não sabe sequer
Apenas fechará sobre mim suas bandas ao fim
Mulher abstrata de (in)fértil montanha
Não, não tenho a ponte Além - Nietzsche,
Apenas olho dum morro de idéias em deslizamento
Como mania de buscar as tuas costas
Para ficar feliz prometeu acorrentado a ti

Na imagem, uma mãe gorila estampada sobre o tanque de guerra
Filho do outro que fez fama na Praça da Paz
Mulher abstrata de sentido liquido
Vamos tomar um chopp
E retalhar estrofes antigas

A procura da obra é continuação

Da busca de deus e da mulher

Termina com os créditos iniciais e a esperança
Postar um comentário